Síndrome do olho seco e uso do ar condicionado

29 de maio de 2014 | Sem Comentários Voltar

A Síndrome do olho seco é uma doença ocular bastante comum que afeta a produção e a qualidade das lágrimas, que têm como função proteger, umedecer e limpar o epitélio corneano e a conjuntiva, membranas que revestem a córnea e o globo ocular respectivamente.

Cada vez que piscamos, uma camada nova de lágrimas recobre nossos olhos para lubrificá-los e protegê-los. A ausência deste filme lacrimal pode provocar ressecamento na superfície do olho, o que causa incômodos como ardência, coceira, olhos vermelhos, queimação, visão borrada, lacrimejamento e sensibilidade à luz.

A Síndrome do olho seco é uma doença que tem diversas causas – entre elas envelhecimento, tabagismo e exposição ao sol –, mas pode ser associada ao uso do ar condicionado. Isso porque estes aparelhos retiram a umidade do ambiente, contribuindo para o ressecamento dos olhos.

Pixabay.com/Alexis A síndrome do olho seco pode estar associada ao uso de aparelhos de ar condicionado.

Diagnóstico da Síndrome do olho seco

No caso da manifestação dos sintomas mais comuns – mencionados acima – é necessário confirmar a doença através de testes clínicos.

Os grupos com maior incidência da doença são mulheres com mais de 50 anos – que têm a mucosa mais seca por questões hormonais –, pessoas que fizeram cirurgia refrativa e que fazem uso de lente.

O acompanhamento médico é fundamental para evitar o surgimento de quadros infecciosos, como a conjuntivite, ou lesões mais graves na córnea.

Como evitar o problema em ambientes com ar condicionado

1º Faça pausas a cada duas horas de uso do computador, para descansar a vista. Aproveite para relaxar o pescoço, alongar e beber bastante água.

2º A utilização de umidificadores no ambiente também pode amenizar os efeitos do ar seco.

3º Não coce os olhos nem coloque o dedo.

4º Pisque bastante! Ajuda a aliviar a vista cansada e a manter os olhos lubrificados.

5º Caso ache necessário, utilize os colírios lubrificantes. Eles são ótimas alternativas, mas devem ser indicados por um oftalmologista, pois existe um tipo de medicamento para cada caso.

Compartilhe este artigo
Nenhum comentário sobre "Síndrome do olho seco e uso do ar condicionado"
Deixe um comentário