Ressecamento nasal e ar-condicionado

19 de dezembro de 2013 | Sem Comentários Voltar

Que o ar condicionado é um grande aliado em nossas vidas, isso é indiscutível. Todavia, algumas pessoas podem apresentar problemas derivados de seu uso prolongado, tal como o ressecamento nasal.

Pessoas que enfrentam longas jornadas (principalmente de trabalho) fazendo uso de aparelhos ar condicionado tendem a se queixar de alergias e irritações na área nasal, no que é conhecido como ressecamento nasal.

Depositphotos.com/Wavebreakmedia O uso prolongado do ar condicionado pode causar ressecamento nasal.

Principais características do ressecamento nasal quando derivado do uso de aparelhos de ar condicionado:

  • Alergias;
  • Irritações;
  • Ressecamento das narinas;
  • Sensação de mucosa ressecada;
  • Sangramento do nariz.

Vale lembrar que esse problema pode atingir pessoas de todas as idades, mas, em sua maioria, atinge principalmente pessoas que já apresentam um quadro de rinite irritativa, rinite alérgica e rinossinusites.

Outra característica do ressecamento nasal é a sua maior frequência nas estações mais frias do ano ou mesmo em locais onde a umidade do ar é muito baixa.

O ressecamento nasal ocorre quando, devido ao uso intensivo do ar condicionado, a mucosa nasal fica muito desidratada, dessa forma não há filtragem suficiente do ar que entra pelo nariz.

Para contornar esse problema é recomendado o uso de um gel à base de cloreto de sódio (vendido em farmácias), que deve ser aplicado apenas uma vez ao dia.

O gel promove a hidratação e faz com que a filtragem feita pelos microcílios nasais aconteça de maneira positiva, evitando o ressecamento da mucosa nasal.

Também é aconselhável realizar a manutenção periódica do aparelho, sempre de acordo com os prazos estipulados pelos fabricantes. Isso porque, quando dá não realização da manutenção, o aparelho se torna um grande difusor de ácaros, bactérias e vírus que contribuirão ainda mais para o aparecimento do ressecamento nasal, além de outras doenças.

Compartilhe este artigo
Nenhum comentário sobre "Ressecamento nasal e ar-condicionado"
Deixe um comentário