Aromatizador de ambiente: dicas de limpeza e conservação

26 de fevereiro de 2013 | 2 Comentários Voltar

Parte importante de um ambiente saudável, confortável e higienizado é composto por seu odor. O olfato humano, aliás, é um sentido extremamente desenvolvido e importante. Tanto que, de todas as associações de memória em nosso cérebro, as relativas à cheiros e odores (chamadas de memória olfativa) são as mais extensas e completas.

Depositphotos.com/erryan Os aromatizadores deixam o ambiente mais agradável e aconchegante.

Além disso, muitos ambientes, mesmo quando refrigerados e devidamente higienizados, apresentam um odor peculiarmente desagradável, fruto, muitas vezes, de fatores externos e alheios às condições do próprio ambiente.

É por essas e outras razões que o uso de aromatizadores de ar são tão necessários e, diga-se de passagem, extremamente agradáveis.

Hoje em dia estão disponíveis no mercado diversos tipos de aromatizadores de ar, com diversas fragrâncias para cada tipo de ambiente.

Alguns modelos mais modernos e versáteis são compostos por compartimentos com “plugs” que podem ser ligados diretamente à tomada. Outros modelos elétricos, mais completos e sofisticados, contém programas de auto funcionamento, que regulam automaticamente a fragrância do ar.

Nesses aparelhos, a limpeza de aromatizador de ambiente deve ser feita regularmente (assim como em aparelhos de ar condicionado), principalmente em seu reservatório que, em geral, comporta 500 ml.

É importante salientar que, mesmo fazendo uso de aromatizadores de ar, os cuidados de higienização de um ambiente devem ser mantidos.

É muito comum que, ao fazerem uso de aromatizadores, muitas pessoas negligenciem os hábitos de higienização, visto que o bom odor de um ambiente, em tese, depõe a favor de condições saudáveis.

Outro fator importante da higienização correta de um ambiente está ligado ao fato de que muitas bactérias, fungos e ácaros podem estar presentes no ambiente e se tornarem verdadeiros vilões da saúde humana, podendo provocar diversas doenças respiratórias e alérgicas e, em alguns casos, podem ser até mesmo fatais.

Ao adquirir um aromatizador de ar, antes de seu uso, verifique atentamente requisitos como a dosagem indicada pelo fabricante e características como a data de validade do produto e o seu correto armazenamento.

Isso porque fatores externos como a exposição ao sol ou a ambientes muito úmidos podem influenciar na composição do produto, alterando-o ou inutilizando-o.

Compartilhe este artigo
2 comentários sobre "Aromatizador de ambiente: dicas de limpeza e conservação"
  1. Betânia disse:

    Amei a dica, muito boa, adorei! Adicionei o blog na barrinha de favoritos 😀

    1. Vecair disse:

      Olá Betânia!!

      Que bom que você gostou de nossas dicas e nos adicionou na barra de favoritos! Sempre divulgamos informações interessantes sobre ar condicionado, aromatizador de ar e cortina de ar, além de dicas de como comprar, limpeza, etc.

      Continue acompanhando as postagens da Vecair.

      Obrigado!
      Abs.

Deixe um comentário